FAZENDA DA GRAMA
A MARCA DE UMA HISTÓRIA, UMA FILOSOFIA DE TRABALHO
FAZENDA DA GRAMA

O homem encontra a natureza, soma ciência ao trabalho e transforma sonhos em futuro. É assim que a Fazenda da Grama escreve, a cada dia, sua história na pecuária, muito além das duas letras que identificam o seu rebanho. A jornada começou pelas mãos de José Antônio Fernandes Netto e Dejanira Fernandes, que ensinaram através do exemplo, o valor da palavra, esforço e união. Juntos plantaram a semente, que germinou e hoje se divide entre a produção de cana e a criação de animais da raça Senepol.

A marca ZT, que surgiu do apelido de José Antônio, conhecido como Zé Torneiro pelo antigo trabalho na produção de torneiras, se tornou a assinatura do rebanho da Grama, onde todas as ações se fundamentam em gestão, liderança e uso de tecnologias. A fazenda foi uma das primeiras do Estado de São Paulo a receber a certificação GlobalGap, norma que garante e atesta a qualidade de manejo, respeito ao meio ambiente, saúde animal, integridade dos colaboradores, uso racional de defensivos e mecanismos de rastreabilidade.

Essa visão também levou à conquista do prêmio nacional de melhor programa de inseminação artificial do Brasil, em 2005. Com o foco no aperfeiçoamento, a Grama se reinventa continuamente para ser uma referência em seu campo de atuação, uma empresa de vanguarda.


Mas existe algo intocável, que nunca mudará.

O amor por um trabalho que começa ao nascer do sol, atravessa o dia gerando vida e renasce a cada manhã.

FONTE: Senepol da Grama.


  • Data
    Guzerá no Brasil

    Como já dito, o Guzerá foi a primeira raça zebuína a chegar no Brasil. Esse acontecimento foi na década de 1870, tendo a raça como uma solução para arrastar carroças e vagões de café no Rio de Janeiro, [...]

    69
  • Data
    LEILÃO VIRTUAL MATRIZES ESPECIAIS JAPARANDUBA FAZENDAS REUNIDAS

    Há seis gerações, na sesmaria de Japaranduba, no município de Palmares, Estado de Pernambuco, foi fundado um engenho d [...]

    87